Sexta-feira, 12 jul 2024
 
Facebook

Famílias da Vila Gavioli, em Andradina, recebem títulos de propriedade após espera de 40 anos

Andradina - Na sexta-feira (06/07), na casa de um dos moradores antigos da Vila Gavioli, em Andradina, a Fundação Itesp e a Prefeitura entregaram títulos de propriedade para todas as famílias residentes nos 31 lotes do bairro. A Vila Gavioli surgiu do loteamento irregular de uma chácara de mesmo nome, iniciado há mais de 40 anos, e deixou de ser informal após o registro da REURB efetivado em 13/05/2024, pelo Cartório de Imóveis de Andradina, graças ao convênio entre a Prefeitura e o Itesp.

Foram entregues 21 títulos de interesse social, acompanhados das respectivas matrículas; 07 títulos de interesse específico, que deverão ser registrados no cartório; e 03 matrículas com origem em usucapiões, cujas descrições o cartório atualizou em razão da REURB, mediante averbações feitas sem despesa para os proprietários.

O Coordenador da Regional Noroeste do Itesp, Cleisson de Oliveira Morais, representou o Diretor Executivo do órgão, Lucas França Bressanin, e o Secretário de Estado de Agricultura e Abastecimento, Guilherme Piai Filizzola. Presentes também pelo Itesp o supervisor do GTC – Fundiário de Araçatuba, Fabio Freitas de Medeiros, e o analista Manoel Martins dos Santos, responsável pelos trabalhos jurídicos e gestão do convênio.

Representou o prefeito de Andradina, Mario Celso Lopes, o Secretário Municipal de Governo, Assuntos Parlamentares e Institucionais, Ernesto Antonio da Silva Junior. Pela Câmara Municipal, estiveram no evento os vereadores Fabricio Henrique Mazzoti e Sergio dos Santos Santaela.

Os trabalhos técnicos e jurídicos dessa REURB foram feitos em colaboração entre os Grupos Técnicos de Campo – Fundiário de Araçatuba e Mirante do Paranapanema. Esses mesmos grupos atuaram anteriormente na regularização de outros dois núcleos informais em Andradina – os bairros Planalto, com 218 unidades imobiliárias, e Paranápolis, com 150.