Sábado, 25 de Junho de 2022
 

Prefeitura inicia oficialmente o programa “Castilho Sorridente”

Iniciativa que permaneceu limitada durante toda a pandemia já atendeu 116 pessoas entre junho do ano passado e abril de 2022. Objetivo do programa vai além da saúde, resgatando também a autoestima dos pacientes

Castilho - O prefeito Paulo Boaventura compareceu à entrega oficial de 09 próteses dentárias totais (partes superior e inferior) realizada pela Secretaria Municipal de Saúde aos castilhenses contemplados pelo programa “Castilho Sorridente”.

“Apesar do programa estar sendo lançado ‘oficialmente’ agora, ele já está em execução desde junho do ano passado. Nesse período de quase 12 meses, mesmo com todas as limitações impostas pela pandemia, já foram atendidas 116 pessoas com peças que estão transformando suas vidas e proporcionando maior qualidade de vida e autoestima”, explicou a secretária municipal de Saúde, Márcia Zoteli.

A entrega aconteceu, às 14h45 de hoje (18) no CIS, com a presença da secretária, de dentistas e técnicos responsáveis pela execução do programa, além dos beneficiários. Em clima de festa, os 09 contemplados desta primeira entrega agradeceram ao prefeito Paulo Boaventura, à secretária Márcia Zoteli e à equipe do Centro Odontológico pela conquista e oportunidade de voltar a sorrir e se alimentar bem.

Retomada - Desde o ano passado, a Secretaria de Saúde vinha atendendo casos urgentes de cidadãos que não conseguiam mais se alimentar corretamente e eram encaminhados pelos médicos para avaliação odontológica. Mas apenas casos emergenciais eram atendidos em virtude do período de pandemia e as consequentes medidas preventivas recomendadas pelo Governo Paulista.

Agora o programa segue em frente com o objetivo de atender prioritariamente os casos mais urgentes. Até o final, a expectativa é que todos na fila de espera tenham sido atendidos pela ação, que visa não apenas a saúde, mas também a autoestima dos pacientes.

Espera - A auxiliar odontológica, Ilvani Rumão, disse que os pacientes que aguardam na fila de espera pelas próteses, já estão sendo comunicados via telefone sobre as datas de avaliação. Mas faz um apelo para que todos tenham paciência:

“O início efetivo do programa tem como principal desafio o longo período que ficamos impossibilitados de realizar a maioria dos procedimentos por causa das medidas preventivas contra a Covid-19. Portanto, a fila de espera é longa e todos precisam ter calma. A prioridade é atender aqueles casos mais urgentes, que impossibilitam a mastigação e chegam a provocar depressão em alguns casos”, explica.

Outra dificuldade que a Secretaria de Saúde está enfrentando é em contatar os pacientes através do telefone:

“Durante todo este longo período de isolamento na pandemia, vários pacientes que aguardam o início dos procedimentos trocaram de telefone e não atualizaram o cadastro junto aos nossos Agentes de Saúde. Por isso, estamos tendo dificuldades de contato com alguns destes pacientes.

Se você é um destes que aguarda pela avaliação e confecção das próteses mas ainda não recebeu ligação do nosso Centro Odontológico, ligue para o telefone 3741-9611 ou compareça ao CIS para atualizar o seu telefone no sistema e obter maiores informações”, finalizou Ilvani.