Terça-Feira, 11 de Agosto de 2020
 

Clube de Leitura discute obra de Fernando Sabino neste final de semana

Ilha Solteira - Neste sábado, 25, a partir das 17 horas, no Armazem Café do Ilha Shopping, o Clube de Leitura “Ler É Viver” promove a primeira reunião de 2020. O assunto do encontro será a obra de Fernando Sabino, como parte de uma parceria com a Biblioteca Municipal Assis Chateaubriand. Cada membro do clube retirou um livro do autor na Biblioteca e comentará sobre ele na reunião. A mediação é da Mestra em Estudos Literários Edilva Bandeira.

Nascido em 12 de outubro de 1923, em Belo Horizonte, Fernando Sabino foi escritor, jornalista e editor. Um dos principais nomes da crônica brasileira, o autor começou a escrever desde cedo – aos 13 anos, publicou seu primeiro texto na revista da Secretaria de Segurança de Minas Gerais e, aos 15, tornou-se colaborador regular das revistas Alterosa e Belo Horizonte. Em 1941, Sabino lançou “Os grilos não cantam mais”, seu primeiro livro de contos.

Na literatura, Sabino ganhou mais projeção a partir da década de 1960, quando tornou-se colaborador do Jornal do Brasil. Desde então, publicou diversas obras e conquistou prêmios. Entre os anos de 1960 e 1961, o escritor lançou os livros O homem nu e A mulher do vizinho, que venceu o Prêmio Chinaglia do Pen Clube do Brasil. Já O grande mentecapto ganhou o Prêmio Jabuti, em 1979, e foi adaptado para o cinema e o teatro.

Para participar do Clube de Leitura “Ler É Viver”, basta apenas comparecer às reuniões, nos dias e locais combinados previamente. Não é necessário ter lido os livros para participar. Os encontros são mensais, e são os próprios membros do Clube que escolhem as leituras. A data do próximo encontro e a próxima leitura do grupo serão definidas na reunião deste sábado.