Sábado, 19 de Junho de 2021
 

Agravamento de covid-19 obriga Santa Casa de Andradina a ampliar os leitos de UTI para salvar vidas

Serão mais 10 leitos disponíveis para atendimento

Andradina - A Irmandade Santa Casa de Andradina, mais uma vez foi obrigada a reorganizar a estrutura do Hospital devido ao aumento de atendimentos e internações por Covid-19 de pacientes de Andradina e região.

A meses com lotação máxima em seus leitos, a diretoria do hospital em ação conjunta com o Governo Estadual, prevendo uma nova onda da doença, intensificaram esforços para garantir leitos para a população afoita com receio do aumento de óbitos, por falta de atendimento.

Atualmente a Santa Casa de Andradina conta com 10 Leitos de UTI COVID, 9 leitos de enfermaria, 4 de pediatria e 2 leitos particulares. Segundo o médico responsável pela UTI COVID, essa disponibilidade já não é suficiente para a demanda que aumenta a cada dia.

“Se não ampliássemos, com toda certeza, perderíamos mais vidas”, alerta o Dr. Rafael Marão que ainda exalta uma outra questão. “Nosso corpo clínico que já está exausto, fica emocionalmente abalado ao saber que estão perdendo vidas, mesmo com tanta dedicação.”

A equipe administrativa, já está trabalhando na reestruturação do setor COVID, priorizando a melhor estadia dos pacientes e a funcionalidade para o trabalho do corpo clínico.

“Os novos leitos serão implantados no mesmo ambiente da UTI COVID já existente e a enfermaria será transferida para uma sala no mesmo setor, facilitando a dinâmica de atendimento”. É o que afirma, Adalto Alves, Gerente Administrativo do Hospital.

Em relação a contratação de novos colaboradores para atendimento nos novos leitos, eles serão chamados através do processo seletivo que já está vigente. A abertura dos novos 10 leitos de UTI está prevista para os próximos dias.

Em nome de toda a diretoria e dos colaboradores, um apelo à população, para a atenção as medidas restritivas, principalmente ao distanciamento social. Pois, não é com aumento de leitos que se combate ao vírus, mas sim com o não contágio e a não disseminação.