Sexta-Feira, 15 de Janeiro de 2021
 

Elektro cadastrou mais de 50 mil famílias na tarifa social de energia em 2020

(Foto: F5 Conchal)

Nas cidades atendidas pela concessionária mais de 210 mil famílias contam com o benefício que concede até 65% de desconto na conta de energia

A Elektro cadastrou 58 mil novas famílias na Tarifa Social de Energia Elétrica (TSEE). O benefício concede desconto de até 65% na conta de luz aos clientes classificados com baixa renda. Com uma estratégia inovadora, a companhia passou a realizar o cadastro de forma proativa, correspondente a 41 mil inclusões, por meio da consulta ao Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico). Atualmente, a Elektro contabiliza no total 214 mil famílias cadastradas no programa.

“A inserção automática, realizada pela Elektro cruza informações dos contratos com os dados do CadÚnico, disponibilizados às concessionárias periodicamente pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). Apenas neste ano, conseguimos aumentar a nossa base de clientes cadastrados na Tarifa Social em 36%, comenta a superintendente comercial da Elektro, Maica Oliveira.

Além do cadastro proativo na Tarifa Social, as solicitações de cadastro na Tarifa Social podem ser feitas pelos próprios clientes, em plataformas como o site da Elektro e o WhatsApp. A possibilidade de pedir a inclusão no benefício através do aplicativo de mensagens foi oferecida para facilitar o contato com esses clientes e acelerar a concessão do desconto na conta de energia.

Caso o CPF que aparece na conta de energia não for o mesmo que o do representante da família no cadastro do Governo Federal, é necessário solicitar a inclusão na Tarifa Social para ter acesso ao programa, o que pode ser feito pelos canais digitais da Elektro.

O que é tarifa social de energia elétrica?

Benefício criado pelo Governo Federal para as residências de famílias com baixa renda. Consiste na redução da tarifa de consumo de energia elétrica em até 65% e para indígenas e quilombolas em até 100%. O benefício é regulamentado pela Lei 12.212, de 20 de janeiro de 2010.

Quem tem o direito à tarifa social de energia?

Toda Unidade Consumidora Residencial com família inscrita no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal. É necessário possuir o Número de Identificação Social - NIS, e ter renda familiar mensal por pessoa menor ou igual a meio salário mínimo nacional, independentemente de possuir ou não o benefício do Bolsa Família.

Qual a documentação necessária para o cadastro da tarifa social?

As informações sobre documentação para Cadastro de Tarifa Social estão disponíveis no site www.elektro.com.br

Cadastro pelo Whatsapp

Clientes da Elektro que não foram inscritos ainda na Tarifa Social têm a facilidade de solicitar a inscrição pelo WhatsApp da concessionária: (19) 2122-1696. Para isso, basta informar o número da conta contrato da Elektro e o NIS.

Se o beneficiário não for o titular da conta contrato, deverão ser enviadas também pelo aplicativo fotos do CPF e do RG do portador do NIS. Os dados serão confirmados no banco de dados do Governo Federal e, depois, o prazo para o credenciamento no programa é de cinco dias úteis, com o início do benefício na fatura seguinte.

Sobre a Elektro

Reconhecida por 10 vezes como a melhor distribuidora de energia elétrica do Brasil, a Elektro tem atuação em 228 municípios, sendo 223 no Estado de São Paulo e cinco no Mato Grosso do Sul. Em uma área de concessão de 121 mil quilômetros quadrados, a concessionária atende 2,7 milhões de clientes (6 milhões de habitantes).