Quarta-Feira, 8 de Abril de 2020
 

Castilho recebe selo de “Programa Parceria” do Governo do Estado

Castilho – A prefeita Fátima Nascimento (DEM), firmou mais uma parceria com o governo do estado de São Paulo e coloca Castilho entre as cidades que se propõe a cumprir metas. Ela estava acompanhada pelo engenheiro Willian Calestini, ex-secretário de Obras do município.

O Governador João Dória vai oferecer bonificações financeiras a todos municípios paulistas que melhorarem indicadores sociais por meio de políticas públicas eficazes e inovadoras. Ao total são sete desafios iniciais distribuídos em três áreas: Educação, Saúde e Segurança Pública.

“Castilho inicia esse Programa com um passo bem a frente de muitos outros municípios, pois já estamos atingindo as metas propostas pelo governador Dória”, afirma a Prefeita Fátima.

Entre os desafios da área da Educação estão: Ampliação de acesso à creche, Universalizar acesso à pré-escola e Alavancar a qualidade do Ensino Fundamental. Na área da Saúde são dois desafios: Redução da mortalidade infantil e materna; e Redução da mortalidade prematura por doenças crônicas não transmissíveis. Na Segurança Pública também são dois desafios: Redução de roubos e Redução da violência sexual.

“O objetivo dessa parceria é aumentar a qualidade de vida e reduzir desigualdades regionais em São Paulo”, disse o governador João Dória durante lançamento do Programa.

O programa foi elaborado pela Secretaria de Desenvolvimento Regional, com apoio das pastas da Educação, Saúde e Segurança Pública. Trata-se da colaboração entre Estado e prefeituras para otimizar as políticas públicas de cada cidade, respeitando as características de cada localidade e reduzindo desigualdades regionais.

De acordo com o Programa Parceria, o sistema de bônus é baseado em meritocracia na gestão pública e eficiência no cumprimento de índices previamente estipulados. A cada meta alcançada, o Governo de São Paulo oferecerá bônus financeiro para aplicação em projetos nas mesmas áreas que obtiverem a melhoria planejada.

“Se uma cidade reduzir índices de roubo, por exemplo, poderá receber verba para investir em sistemas inteligentes de monitoramento. O governo vai incentivar o intercâmbio de experiências bem-sucedidas entre todos os municípios”, afirmou Marco Vinholi, Secretário de Desenvolvimento Regional.

Até o final deste ano, cada prefeitura fará uma lista de iniciativas e cronograma de metas em conjunto com as secretarias estaduais. A primeira avaliação dos planos de metas enviados ao Estado está prevista para abril de 2020.