Domingo, 25 de Agosto de 2019
 

Eleitores carregam Zé Pedro nos braços após comício

Nova Independência - Cerca de mil pessoas pararam para ouvir os candidatos à prefeito e vice da Coligação Continuação pelo Progresso, José Pedro Toniello e Guilherme Xande, numa reunião no Conjunto Habitacional Hilário Ferrari, que como sempre, acabou se tornando um grande comício. Toniello sempre pautou por uma campanha limpa, e sempre exigiu dos seus correligionários, que o fizessem também. “Um homem com a minha história de vida, com a minha idade, com a família maravilhosa que possuo, não posso aceitar fazer uma campanha política num lamaçal, vou prosseguir até o fim com franqueza e propostas sérias de trabalho, pois é isso que o povo de Nova Independência espera de mim, do meu vice e dos vereadores da nossa coligação”, disse Zé Pedro, que no último final de semana, distribuiu uma cartilha com seu plano de governo, que surpreendeu até seus adversários.Toniello disse estar magoado com as mentiras que seus adversários estão espalhando e que sua família tem sido vitima de terrorismo, inclusive com ameaças de morte. “Já passei por tudo nessa vida para chegar onde estou e não me intimido com ameaças. Tenho medo sim, de não corresponder às expectativas de um povo que vai confiar seu voto em mim no dia 5 de outubro, pois Nova Independência merece e precisa crescer cada vez mais. Desde que me lancei candidato, fui ameaçado de ser massacrado pela oposição, mas só tenho recebido carinho e incentivo pelas ruas e o massacre, eles verão nas urnas”, disse Zé Pedro. Durante seu pronunciamento, aproveitou para desmentir boatos de que demitiria funcionários da prefeitura, afirmando que irá sim, capacitá-los, melhorar os salários, efetuar planos de carreira e cobrar resultados. Defendeu uma gestão participativa, melhorias na Educação com a erradicação do analfabetismo, Saúde, assistência os idosos, ao social e aos assentados, geração de empregos para as mulheres, entre outras propostas. Toniello disse que reservou uma grande surpresa aos eleitores no comício final da coligação que será dia 2 de outubro e no encerramento, foi carregado por correligionários em meio à multidão, com uma grande queima de fogos. Joanini deu um basta às críticas e mentiras Durante a palestra, o prefeito Valdemir Joanini, também não mais suportou tantas críticas e inverdades da base oposicionista e literalmente rasgou o verbo no palanque, mostrando documentos que comprovam que o valor de 149,8 mil reais, que seria destinado para a compra de uma patrulha agrícola, está aplicado na conta da prefeitura. “Arlindo Chinaglia é mentiroso e essa facilidade de meter a mão no dinheiro público e participar de falcatruas é coisa do PT”, disse. O prefeito também vem sofrendo sérias críticas sobre a antiga lagoa de tratamento, que apresenta problemas de poluição ambiental. “Estamos tentando buscar recursos para sanar o problema, mas uma coisa eu garanto, a lagoa é muito mais limpa do que muita gente que se apresenta no palanque deles”, referindo-se a candidata Bete Morimoto (PV). Joanini aproveitou e respondeu ao ex-prefeito José de Lima, apoiador de Bete, as ofensas que vem sofrendo: “Ele só reunirá um público como este se for de credores na porta de sua casa. Se a estrela de vocês não brilha, não tentem apagar a minha, porque tenho quase oito anos de mandato e de serviços prestados à comunidade. Fui eleito com 72% dos votos e reeleito com 84% porque sempre procurei fazer o melhor para a cidade”. Ao final do seu pronunciamento, Joanini mais uma vez defendeu a candidatura de José Pedro e Guilherme, afirmando que ambos são os mais capacitados para governar Nova Independência, dando continuidade a tudo o que já foi feito pelo crescimento do município.