Quinta-Feira, 2 de Abril de 2020
 

ADPESP consegue doação de álcool em gel e máscaras para Delegacias

(Foto: G1 – Globo)

A Associação dos Delegados de Polícia do Estado de São Paulo (ADPESP) iniciou uma campanha junto ao empresariado paulista para doação de álcool em gel e máscaras de proteção, a serem distribuídas em Delegacias do estado. A iniciativa teve pronta adesão dos empresários que doaram 180 kg de álcool em gel e duas mil máscaras. Os itens foram direcionados à Secretaria Executiva da Polícia Civil, que fará a distribuição.

Complementando a ação, a ADPESP efetuou a compra de mais 65 kg de álcool em gel e embalagens, e a doação extra de mais 50 litros, que serão distribuídos aos Delegados em curso na Acadepol, e, também, outras unidades policiais, se não forem alcançadas pela distribuição acima citada.

“Em um momento de crise, como a pandemia que estamos enfrentando, é importante a união de todos. A ADPESP tem como fundamento defender os interesses da classe à qual representa, mas não nos esquecemos – um só minuto – que o Delegado de Polícia é um ser humano. Precisamos proteger e valorizar o ser humano policial”, diz Gustavo Mesquita Galvão Bueno, presidente da Associação.

Campanha de vacinação

Nesta segunda-feira, a ADPESP protocolou junto à Secretaria de Segurança Pública (SSP) um pedido para que o governo antecipe a vacinação dos profissionais da segurança, que seguem exercendo suas atividades, sem a possibilidade de home office. O início da campanha foi antecipado para este dia 23, tendo como público alvo as pessoas idosas e os profissionais da saúde.

“Os policiais civis, assim como os profissionais da saúde, seguem exercendo suas funções em contato direto com o público em geral, estando altamente expostos à contaminação. Sabemos que a vacina para a gripe não imuniza contra o Covid-19, mas tem especial importância na questão do diagnóstico do vírus, ao excluir a possibilidade de contaminação pela gripe comum”, esclarece Mesquita.

No ofício, além de pleitear que os profissionais da segurança sejam incluídos nessa primeira fase da campanha, a ADPESP sugere, avaliando-se a viabilidade, que sejam designadas equipes de profissionais da saúde para vacinação nas próprias unidades policiais.

Canal de apoio

Ciente da falta de infraestrutura em muitas delegacias do estado de São Paulo, e diante da crise sanitária decorrente da pandemia do Covid-19, a ADPESP criou um canal de apoio aos Delegados de Polícia, por e-mail e WhatsApp, para que possam compartilhar dificuldades, solicitações e dúvidas. A diretoria da entidade estará de prontidão para solucionar todas as questões ou encetar gestões junto aos órgãos competentes, a fim de que os colegas continuem exercendo suas funções com o mínimo de segurança e dignidade.

Ainda no início da crise do novo coronavírus, a Associação protocolou um ofício junto à SSP solicitando medidas emergenciais para proteção dos policiais civis e da população em geral.

Dentre as medidas, foram sugeridos, principalmente, a compra de álcool em gel e sabão para limpeza das mãos e máscaras; o contingenciamento dos serviços prestados pela Polícia Civil, privilegiando-se aqueles considerados essenciais; reforço e orientação à população para realização, preferencialmente, de Boletim de Ocorrência Online; e a suspensão de todas as aulas e cursos em andamento na Acadepol.

Em suas redes sociais, a ADPESP também tem feito uma campanha para orientar a população que realize o Boletim de Ocorrência online, evitando se dirigir à uma Delegacia de Polícia. A entidade ressalta ainda que a partir de terça-feira, 24, o BO online será ampliado para registrar todos os tipos de ocorrência, inclusive as não criminais, evitando-se assim aglomerações nas Delegacias do estado.